528657840

Falar mal dos que partem

dianaadmin Amor, Amor Partilhado, Amor Próprio, Família, Relacionamentos, Viver 0 Comments

Quando amas de forma incondicional não sentes necessidade de falar mal do outro, quando o outro resolve partir da tua vida.

O amor verdadeiro não tem espaço para a difamação e para o mal-dizer, não tem, e acredito que nunca terá, porque aquele que hoje te pode fazer sentir qualquer tipo de emoção tóxica, fez em tempos, sentir-te emoções bem limpas e bonitas de viver e sentir.

Todas as relações te permitem descobrir algo de ti, todas elas te trazem alguma aprendizagem especial e única, e estou certa que cada uma dela te fez ser melhor pessoa, melhor amante, melhor homem ou mulher e determinado momento, e talvez sejas hoje aquilo que a relação te proporcionou também ser.

Quando alguém te diz que vai embora da tua vida, não precisas (nem deves, acredito eu), passar a pessoa de bestial a besta, só porque escolheu de forma melhor ou pior, deixar de fazer parte da tua vida. Até podes pensar para ti aquilo que de desagradável sentes, mas isso não significa, nem te dá qualquer tipo de direito, que a apresentes ao mundo na tua nova visão sobre ela, agora já não de bestial mas de má da fita.
Aquilo que semeias é aquilo que colhes e esta lei também se aplica às palavras que usas para falares dos outros.

Estou certa que manifestas hoje também aquilo que aprendeste ao longo das tuas relações e das pessoas com quem te cruzaste.

Abraça o teu coração de amor,
reflecte sobre as aprendizagens e o crescimento que o outro te proporcionou,
escolhe a leveza das palavras e avança grato por todo o caminho feito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *