Eric Rose

Falam mal de ti? E depois?

Diana Gaspar Amor, Amor Partilhado, Amor Próprio, Confiança, Gratidão, Mudança, Paixão, Paz, Relacionamentos, Ser Feliz Com Sucesso, Viver 7 Comments

Há quem não goste de ti. Há quem goste imenso.
Há quem fale mal. Há quem fale bem, muito bem.
Há quem te inveje. Há quem te admire.
Há quem te deseje sorte. Há quem te deseje uma perna partida.
Há quem se inspire em ti. E há quem se intoxique pelo que vê em ti.
Há para tudo e para todos. Há um mundo de emoções, de estados, de relações que à tua volta circula e, que às vezes, te afeta, outras vezes não. Há tantos mundos, como pessoas.

Às vezes, gostavas de mudar esse mesmo mundo, outras vezes, podes escolher abrir mão dele e do que nele vive, não investindo energia nem o alimentando.
Às vezes, gostavas que te vissem com os teus olhos. Que percebessem o trabalho que tens e tiveste para chegares onde estás.
Às vezes, gostavas que te elogiassem e que não te criticassem, nem que te pedissem o que não consegues dar.
Às vezes, gostavas que compreendessem as tuas escolhas e a tua perspectiva.
Às vezes, gostavas que tudo fosse diferente, mas não é, nem vai ser.

NÃO MUDAS NINGUÉM e não podes obrigar os outros a olhar pelos teus olhos, a sentir pelo teu coração, e a reflectir com a tua cabeça para então gostarem de ti, e falarem de acordo com esse gostar.

NÃO MUDAS NINGUÉM à tua imagem, mas podes ser fiel à imagem que tens e que queres ter. E quando assumes esse compromisso – de te amares mesmo quando parece que os outros não te amam; de te respeitares, mesmo quando os outros não te respeitam; de te mimares mesmo quando os outros não te mimam; de falares bem para ti mesmo quando os outros falam mal; de abrir mão de mudar os outros, mesmo que os outros te queiram mudar a ti – fica tudo bem, está tudo bem, e nada mais fica por dizer.

QUANDO O FOCO SÃO OS OUTROS tudo te vai afetar e terás sempre a necessidade de responder na “mesma moeda” ou de nutrir aquilo que os outros sentem por ti, porque também tu na realidade o sentes.

QUANDO O FOCO ÉS TU e o profundo amor, respeito, confiança que nutres POR TI, os outros não te afetam e a maior mudança pode acontecer – deixas de viver em função do que os outros acham ou querem para ti e para eles, e passas a viver só em função de um coração e de uma vida eternamente imperfeita, livre e em paz.

Diana

Fotografia | Eric Rose

Comments 7

  1. Ana Sofia Silva Fialho

    Texto simplesmente perfeito! Descreve detalhadamente o q tantas vezes sinto, e na confusão de emoções q emergem sou incapaz de me decifrar.. Nestas palavras encontro muita lucidez, melhor ainda, soluções!!
    Grata Diana
    😘

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *