Fabio

E quando ficamos sem planos?

Diana Gaspar Amor, Amor Próprio, Confiança, Mudança, Relacionamentos, Ser Feliz Com Sucesso, Viver 0 Comments

Temos sonhos. Fazemos planos. Orquestramos tudo aquilo que acreditamos ser preciso para que esses sonhos e esses planos de concretizem. Fazemos, agimos, sonhamos, dormimos, comemos, amamos, beijamos, tocamos, abraçamos, treinamos, descansamos, voltamos a fazer, a querer, a sonhar, a viver…Parece tudo correr bem, às vezes, ou perto daquilo que tínhamos desenhado como bem e possível. Outras vezes desenhamos tanto que nem percebemos que não precisávamos de fazer tudo com tanto pormenor…outras tantas sentimos que esses sonhos, esses planos e esses desejos não estão nem vão ser vividos em pleno.
Na vida temos de tudo.
Coisas que correm como planeamos, outras tantas que parecem sair furadas. E nestas vezes, quando o sonho parece que não se vai realizar e, sentimos os planos a resvalar, ficamos perdidos, sem saber o que fazer, sem saber o que escolher, sem saber o que sentir, ou com dificuldade em perceber o que sentimos e o que queremos afinal. E quando assim é sentimos dor, sofremos, entristecemos e sentimos que afinal ainda não estamos a viver aquilo que queríamos e, que a vida não vai seguir pelos trilhos sonhados… o que fazer então?
Chorar faz bem. Estar triste também. E por alguns momentos não fazer nada, ainda faz melhor.
Às vezes, precisamos de deixar partir alguns planos, para sermos capazes de mais à frente construir outros, talvez diferentes, com cores, cheiros, peles, olhares e intenções, mas sempre desenhados com a nossa essência e bordados pelos nossos sonhos.
Às vezes, temos mesmo de continuar a correr atrás do sonho, quando o sentimos fugir pelas mãos. Outras vezes é melhor deixa-lo ir, e perceber o que significa aquilo que estamos a viver e a sentir.
Enquanto há vida, há força. Enquanto há fé há devoção, e o mais importante, é não deixar partir a vida que temos nas mãos.

Diana

Fotografia | Fabio Stachi

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *