_DSC0025-2-2

Quando queremos magoar alguém…

Diana Gaspar Amor Partilhado, Amor Próprio, Paz, Relacionamentos 1 Comment

Quando queremos magoar alguém quem fica e, está mesmo magoado, somos nós. Aliás, se queremos magoar alguém é porque na realidade há dor dentro de nós, não no outro.
Na realidade quase tudo é quase sempre sobre nós e não sobre os outros. Os desejos que temos para os outros, falam mais dos nossos próprios desejos do que sobre aquilo que os outros precisam de nos dar, ou do que nos deviam ter dado. Quando assim nos sentimos gritamos por um “olha para mim”, “ama-me, “abraça-me”, “escuta-me”, “protege-me”, “respeita-me”, “ajuda-me”…E por isso temos essa necessidade de magoar o outro, para lhe dizer – “não me deste aquilo que eu precisei, merecia ou queria”.
Mas terão mesmo os outros esta responsabilizada sobre as nossas vidas? De nos dar o que precisamos? Não sei…mas sei que é muitas vezes presos nesta premissa do deve, que entramos em espiral de destruição do outro e de nós próprios, porque na realidade o outro não vai sentir aquilo que só dentro de nós vibra e sofre.
Assim, de cada vez que pedirmos alguma coisa ao outro seria importante percebermos em que medida não a estamos a dar a nós próprios…talvez seja um bom principio para deixarmos de magoar, maltratar, amaldiçoar ou o que quer se seja, o outro e a nós.

Diana

Fotografia | Luís Duarte

Comments 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *