_DSC0828

Controlas mesmo o quê?

Diana Gaspar Amor Partilhado, Amor Próprio, Confiança, meditação, Mudança, Relacionamentos, Ser Feliz Com Sucesso, Viver 1 Comment

Grande parte de alguns estados de ansiedade nascem porque queremos controlar aquilo que não controlamos. Queremos controlar aquilo que não depende de nós, e é nesta ânsia, vivemos muitas vezes escravos de um desejo irrealizável. Queremos controlar o que pensam sobre nós e as nossas escolhas. Queremos controlar a forma como os outros vão reagir às nossas escolhas. Queremos controlar comportamos que não são nossos nem partem de nós. Queremos controlar a vida daqueles que se cruzam com a nossa. Queremos controlar o mundo!!! Queremos controlar o que dizem sobre nós, às vezes, com vontade de colocar palavras nossas na boca de outros, outras tanta de calar essas mesmas vozes que tanto dizem de nós sem nada dizerem. Queremos controlar o que pensamos e o que os outros pensam. Queremos controlar o que sentem e fazem…e nisto tudo abrimos mão da força para controlar aquilo que realmente controlamos – as nossas escolhas e o que fazemos. Podemos não controlar o que pensamos e sentimos, podemos não controlar aquilo que outros pensam, sentem ou fazem, podemos não controlar tudo o que vive à nossa volta…mas podemos controlar aquilo que escolhemos fazer todos os dias com aquilo que pensamos e sentimos, e escolher outros caminhos que semeiem outros pensamentos, emoções e realidades. Enquanto estivermos agarrados à intenção de controlar o que não controlamos, dois estados vamos alimentar – ansiedade e perda de energia para investir naquilo que realmente depende de nós e que só em nós pode nascer.

Diana

Fotografia | Luis Duarte

Comments 1

  1. diamantino barros

    É isso mesmo, subscrevo inteiramente! Queremos controlar o que não podemos, em vez de nos focarmos a controlar o que é da nossa responsabilidade. Faz todo o sentido!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *