Luísa e João

É urgente a mudança…

Diana Gaspar Uncategorized 0 Comments

Há dias em que parece que o sofrimento do mundo nos bate à porta a pedir ajuda para crianças, adultos e famílias inteiras. Há muitas pessoas a sofrer, e muito… Parece vivermos num todo mais complexo e sem sentido.

Crianças sem esperança, sem brilho nem vida, cansados e cada vez mais agitados. Adultos perdidos nas suas dores a acreditarem que a infelicidade é o destino da vida, e que é preciso cada vez ter mais para ser melhor, numa luta sem fim com as horas e com o tempo, a viver longe da essência e dos que mais amam.

É neste dias de trabalho que a minha voz interior pede revolução de flor na mão e amor no coração, envolvida em empatia, com uma vontade imensa de ajudar.

Acredito que por muita dor que cada pessoa possa estar a sentir, que é possível viver com esperança, com confiança na vida, e que a vida em si é uma experiência maravilhosa que ninguém sabe como e quando acaba e por isso deve ser vivida da melhor forma possível aconteça o que acontecer.

É urgente a mudança, é urgente ensinarmos as nossas crianças a confiar na vida e a ter esperança no seu futuro.
É urgente sermos modelos de resiliência e amor incondicional.
É urgente um outro olhar sobre a vida, com desapego pela necessidade de controlo, com desapego pelo medo constante, sem a necessidade de guerras e de ter razão, a perceber para onde vai a energia e se vale mesmo a pena sofrer pelo que não é assim tão importante nem essencial. Perdem-se vidas e pessoas nesta forma asfixiante de viver, geradora de medo e de angústia.
É urgente acreditar que apesar das circunstâncias da vida, a vida é uma experiência única e maravilhosa de se viver, onde a esperança, o amor, a entrega e a coragem, são o motor para viver com determinação e fé.

Viver é maravilhoso.
É preciso educar o coração para viver o momento e para confiar na vida mesmo que esta seja em alguns momentos incompreensível.

Quanto a mim, continuarei na minha missão de flor na mão e amor no coração.

Diana

Fotografia | Adriano Branco Neves

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *